Rotina de cuidados com a pele do rosto

Os cuidados com a pele do rosto são essenciais, mas devem ser feitos de acordo com a sua faixa etária. Confira as indicações da expert Mônica Aribi.

Para cada idade são indicados cuidados com a pele do rosto. A pele de 30 anos ou mais tem uma necessidade, a de 40 já tem outra, e a de 50 também. Para indicar a rotina de cuidados com a pele do rosto ideal para a sua faixa etária, conversamos com a dermatologista e expert, Mônica Aribi. Veja suas indicações!

30 anos ou mais

Mônica indica começar lavando o rosto, no mínimo, duas vezes ao dia, pela manhã e a noite. “Nessa idade, a pele costuma a ser mista ou oleosa, portanto, prefira um sabonete líquido”, revela. Após a lavagem, use um tônico para equilibrar o pH da pele. “Prefira um sem álcool, se não tiver a pele muito oleosa, agora, se for muito oleosa, aconselho um pouco de álcool e um agente secativo, como ácido salicílico”, explica.

Complete a rotina da manhã com uma vitamina C e filtro solar com FPS no mínimo 30. “A noite, no lugar da vitamina C, você pode usar um ácido indicado pelo seu dermatologista, que controle oleosidade e previna envelhecimento cutâneo”, indica.

40 anos ou mais

Aqui, Mônica revela que a maior preocupação é a falta de colágeno, então a rotina de cuidados precisa ter como objetivo repor o colágeno perdido. “Seguimos com a lavagem normal, de manhã e a noite, só que como nessa idade o teor de água cai, indico usar dois tônicos: um com teor alcoólico para a manhã, outro mais aquoso para a noite. Pode ser uma loção micelar ou água termal”, indica.

Com a pele limpa, a dermatologista indica apostar no creme para a área dos olhos. De preferência aos mais umectantes, pois a região tem tendência a ser mais seca. “Podem ser cremes com vitamina C ou ácido hialurônico”, revela.

Para o restante da pele, prefira hidratantes com vitamina C associado a algum outro ativo. “Gosto que associe a vitamina E, se a pele não for muito oleosa, ou vitamina C com o ácido hialurônico se a pele for oleosa. Depois, aplique um filtro solar com cor”, revela.

A noite a rotina é a mesma, mas Mônica indica optar por um retinol no rosto, que é da família do ácido retinóico e não é tão agressivo, por ser um bom formador de colágeno. Ou o ácido glicólico, que também ajuda a formar colágeno.

50 anos ou mais

Nessa idade, Mônica indica focar na hidratação da pele. “Para a limpeza, opte por sabonetes para pele normais e secas, de forma líquida. Troque o tônico agressivo por uma água micelar, que completa a lavagem e não agride a pele”, revela.

Feito isso, use um creme ao redor dos olhos, mas prefira compostos mais pesados. “É uma área que envelhece com facilidade, então gosto que seja a base de creme mesmo, pode ser vitamina E, ácido hialurônico, etc.”, explica.

Para complementar a rotina de cuidados, use um ácido glicólico fraco, que não é fotossensibilizante, e pode entrar como um hidratante rejuvenescedor pela manhã. “Para a noite, costumo indicar o ácido retinóico para usar duas vezes por semana, alternando ao retinol. Isso vai ajudar a prevenir o envelhecimento da pele e tratar o envelhecimento já instalado”, conta.

Vale lembrar que nada substitui a consulta com o dermatologista, portanto, se você quer ter uma rotina 100% focada no seu tipo de pele, converse com um profissional.

 

- Por Aline Marchiori