- Por Karina Hollo

5 regras básicas do perfume feminino

Pedimos à perfumista francesa Fanny Grau para montar o guia rápido do perfume, com 5 regras básicas do perfume feminino. Você vai se surpreender!

 

A brasileira ama se perfumar. Não à toa, somos as terceiras maiores consumidoras de perfume do mundo! E se você quer se perfumar com elegância e sofisticação, anote essas dicas da perfumista Fanny Grau. Elas são básicas na vida de uma mulher que quer ser sempre lembrada por sua assinatura perfumada!

REGRA N.1
Encontre seu perfume

O seu perfume precisa traduzir sua personalidade e como você se sente perante a vida. “Perfume é pele. Tem que testar no corpo, se sentir bem com ele antes de chamar de seu”, ensina a perfumista francesa Fanny Grau. Vale fazer como as francesas e ser fiel a ele ou como as americanas, que trocam de perfume como mudam de roupa – ou de namorado!

REGRA N.2
Deixe seu perfume evoluir com você

“Sempre gostei de perfumes muito intensos. Tive uma fase da vida na qual usava uma fragrância musk bem confortável, que abraçava minha pele. Mas sempre busquei perfumes com assinatura distinta, para não cheirar igual a todo mundo”, fala Fanny. Ela acredita que o gosto da gente vai se refinando…

“Temos nossas referências de infância que carregamos ao longo da vida, mas os anos trazem novas histórias, cheiros e referências”, continua. É de se esperar que o seu perfume de garota vá evoluindo e se transformando ao longo do tempo! “E só você realmente poderá dizer se esse novo perfume realmente combina com sua nova personalidade e estilo.”

REGRA N.3
Seja sutil

É super ok querer que seu perfume fique com você o dia todo. Mas uma mulher que sabe se perfumar é sutil – no lugar de exagerar na dose. “Perfume no outro é gostoso sentir quando a gente abraça e sente aquele cheirinho bom”, fala a perfumista.

Dependendo da intensidade do perfume, pode-se aplicar e reaplicar mais vezes ao longo do dia. Ela sugere sempre os pontos de maior pulsação como pescoço, pulso, colo, atrás dos joelhos… e uma bruma no ar para perfumar cabelo e roupa. “Eu aplico na minha pele e de leve na roupa, como nuvem. E gosto de cheirar a roupa no dia seguinte, e sentir aquele perfume gostoso no tecido, que representa tanto.”

REGRA N.4
Nunca misture ou combine

A recomendação é sempre usar desodorante e hidratante de cheiros neutros, para ele não interferir com o perfume. “A dica preciosa para manter o perfume por mais tempo na pele é usar hidratante com o mesmo perfume”, diz ela.

REGRA N.5
Perfume sua vida inteira

“Por ser perfumista e ter filho pequeno, o ambiente da minha casa e carro tem cheiros bem neutros. Mas eu adoro cheiros de madeira em ambientes, em interiores. Madeiras como sândalo, Palo Alto e cheiros de incenso amadeirados são muito sofisticados e deixam a casa agradável com um cheiro bem elegante. Fica a dica!