Cuidados após a retirada das box braids

Convidamos a cosmetóloga, Josi Helena, para contar tudo o que você precisa saber para manter os fios saudáveis após as box braids. Está imperdível!

Compartilhar:

As box braids – ou tranças – são penteados importantes para a população negra e fazem parte das inúmeras opções de penteados para os fios cacheados e crespos. Mas, como todo penteado, são necessários cuidados, especialmente após a sua retirada! Para entender mais sobre como manter os fios e o couro cabeludo saudáveis após a remoção, conversamos com a expert Josi Helena.

Explicando o penteado protetor

Parte da cultura negra, os chamados “penteados protetores” têm funções que vão além da beleza: as box braids podem significar empoderamento, auxílio em uma transição capilar e até a proteção do couro cabeludo. “As box braids são um tipo de penteado feito com tranças em divisões que, a princípio, eram pequenos quadrados, daí o nome” explica Josi.

Trançou!

O penteado protetor

Mas, como qualquer penteado, o trançado exige cuidados especiais, a fim evitar coceiras e desconfortos. Como Josi conta, “o penteado protetor, como o próprio nome sugere, protege os cabelos que ficam guardados nele, quando feitos adequadamente, claro”. Por isso, alguns cuidados básicos são importantes aqui: higienize o cabelo normalmente, “com shampoo adequado para o tipo de cabelo”, diz Josi, e opte por materiais leves para os fios.

Cuidado com a tração!

É fato que o tempo de permanência das tranças influencia na saúde dos fios, mas a tração – ou força com que eles são colocados – podem gerar incômodo, prurido e até pústulas. “A quebra e o embaraçamento dos cabelos são riscos, já que a tração aumenta”, conta Josi. Por isso, converse sempre com a sua trancista sobre a tração na hora de aplicar o penteado, combinado?

Cuidados pós-tranças

Atenção à queda

Após a retirada das box braids é normal notar uma diminuição na quantidade de fios e até uma maior opacidade. Mas, sem desespero: o processo é normal! Já que a quantidade de fios não representa uma queda abrupta e sim os fios que caíram no tempo total de trançado.

Aposte na umectação

“Aqui, óleos vegetais são uma boa opção para manter os fios protegidos” – alô umectação! – “e um espaço de pelo menos 30 dias, entre um penteado e outro, caso couro cabeludo e cabelos não estejam íntegros”, finaliza a expert.

- Por Isabelle Guedes