- Por Karina Hollo

Como cuidar da pele oriental

Descubra os cuidados especiais mais adequados à pele oriental

A pele oriental mancha com muito mais facilidade – talvez por isso essa obsessão das orientais por skincare. Também luta contra a oleosidade em excesso na zona T, mas sofre menos com flacidez e rugas. Oba! A dermatologista Flávia Lira Diniz explica o que não pode faltar e o que não vai tirar o sono da oriental tão cedo, para facilitar a rotina de cuidados. Chega de mistério.

No alvo das manchas

Na questão da manchas, a pele oriental tem o mesmo problema que a negra – apresenta manchas mais escuras em função da melanose. “Ela produz melanina com mais facilidade”, explica a dermatologista Flávia Lira Diniz. E o dano causado pelo sol ao longo dos anos é um dos causadores.

“Por isso, protetor de luz é indispensável. Chamo protetor de luz porque a pele tem que estar protegida a qualquer tipo de luz – até da branca.”

Zona T oleosa

Outra característica comum da pele oriental é ter tendência a apresentar excesso de oleosidade em algumas áreas do rosto como testa, nariz e queixo. Por isso, uma limpeza caprichada toda manhã é essencial para o rosto se manter bonito e sequinho ao longo do dia.

Firmeza extra

A pele oriental e a pele negra geralmente são mais firmes. “Por isso é menor o problema em relação à flacidez”, fala Flávia. A pele branca sofre mais com a degradação das fibras de colágeno e elastina.

Poros abertos X rugas

Toda pele que tem poros mais abertos, tem mais espessura – como é o de algumas peles orientais. E aí, aumenta o acúmulo de sujeira e de oleosidade. “Em contrapartida, esse tipo de pele tem menos problemas com relação às rugas”, diz.

Parando o relógio nos 30

“A partir dos 30 anos, academicamente nós começamos a envelhecer”, fala a médica. “Então, está na hora de usar os anti-idade: cremes para o redor dos olhos, para os lábios, para o redor da boca, no pescoço – isso, com certeza, contribui para que a pele se mantenha jovem. Aos 30, indico ativos como ácido hialurônico, vitaminas, retinol, e ácido glicólico.”

Aos 40, ativos mais fortes como tensores DMAE, raffermine, tensine; os alfahidroxiácidos, vitamina C ou ainda, ácido azelaico.

Tratamento personalizado

A dermato sugere produtos que refresquem mais, com ação vasoconstritora e ativos como cafeína e clareadores. “Recomendo lavar o rosto com gel de limpeza para pele oleosa de manhã e à noite, em seguida, aplicar o tônico ao acordar e antes de deitar, com movimentos compressivos”, fala Flávia.

De manhã, a pele pede um hidratante e, à noite, ácido. Tudo depende da estação do ano e do estado da pele, mas esse é um homecare mais básico. “Em épocas de calor e sol por exemplo, a chance de manchar a pele com ácido é muita grande, então não é o momento de usar o ácido”, alerta ela.

(infográfico)

Beleza oriental

Conheça os produtos que deixam sua pele impecável

Hidratante Facial Anna Pegova https://www.belezanaweb.com.br/anna-pegova-lth-gel-fondamental-regulateur-fps-15-hidratante-facial-40ml/

Gel de Limpeza Facial Lancôme https://www.belezanaweb.com.br/lancome-pure-focus-gel-de-limpeza-facial-125ml/

Protetor Solar Facial Ada Tina https://www.belezanaweb.com.br/ada-tina-biosole-av-fps-50-protetor-solar-facial-50g/

Clareador de Manchas Shiseido https://www.belezanaweb.com.br/shiseido-white-lucent-microtargeting-spot-corrector-serum-clareador-de-manchas-30ml/