6 perguntas sobre cabelos oleosos

Cabelos oleosos - confira as dúvidas mais comuns e pare de sofrer


Cabelos oleosos - confira as dúvidas mais comuns e pare de sofrer banner

6 perguntas sobre cabelos oleosos

Lavou, melou, desesperou? O hair stylist Evandro Ângelo e a cosmetóloga Sonia Corazza dão dicas para ter fios que dançam de tão soltinhos! Por Gui Takahashi


imagem 1

Como evito o acúmulo de oleosidade na raiz?

“Lavar o couro cabeludo com um shampoo específico para cabelos oleosos já resolve boa parte do problema”, responde o expert Evandro Ângelo.

“Enxague bem os fios, eliminando todos os resíduos de shampoo e condicionador, e não use máscara de tratamento próximo à raiz”, continua o hair stylist.

Outra dica é evitar a água quente ao lavar a cabeça e não aproximar muito o secador do couro cabeludo. Isso porque o calor estimula as glândulas sebáceas, aumentando a produção de óleo.


imagem 2

Cabelo oleoso precisa de hidratação?

Sim. Apesar de o cabelo oleoso possuir mais sebo, não significa que esteja com a quantidade de água suficiente no interior de suas fibras e, por isso, precisa ser hidratado.

A expert Sonia Corazza explica: “A oleosidade está relacionada à atividade exagerada da glândula sebácea que fica no couro cabeludo. Mas gordura e umidade são bem diferentes.

É possível ter couro cabeludo oleoso e o fio ressecado. Portanto a avaliação do estado do fio é que vai dizer se ele necessita de hidratação adicional.

Se as pontas se apresentam bifurcadas e a extensão está seca, descama e não tem maleabilidade, é sinal que precisa de hidratação.”


imagem 3

Quais são os óleos mais indicados para os cabelos oleosos?

Por mais que possa parecer estranho para quem tem o cabelo oleoso, usar óleos é possível e benéfico. “Sem dúvida, o óleo de semente de uva é o mais indicado por ser extremamente leve e também pelo seu aporte de ingredientes antioxidantes”, fala Sonia.


imagem 4

Como escolho o meu shampoo?

“O importante é escolher o shampoo certo pensando no seu tipo de couro cabeludo, mesmo que o cabelo seja seco. Se o couro cabeludo for oleoso, lave-o com um produto para cabelos oleosos: a lavagem deve ser feita focada na limpeza da raiz.

O restante do fio será tratado pelo condicionador e pela máscara, aplicados do comprimento às pontas”, diz Evandro.


imagem 5

O condicionador sempre deve ser passado, em todas as lavagens?

Sim, afirma Sonia. Mas a cosmetóloga alerta: “Os condicionadores, de maneira geral, não devem ser aplicados no couro cabeludo, mas sim ao longo do fio.

Porém, se você escolher uma fórmula específica para couro cabeludo oleoso, vai ter uma combinação de ingredientes livres de óleo e, dessa forma, não haverá problema ao ser aplicado desde a raiz.”


imagem 6

Qual é a temperatura ideal da água para lavar o cabelo?

“De morna para fria, porque assim você remove a oleosidade ao invés de estimulá-la e evita problemas com a pele do couro cabeludo. Água muito quente pode irritar, estimular a produção de sebo e causar o dilatamento dos poros do couro cabeludo”, avisa Evandro.