- Por Cáren Nakashima

Cabelo supercomprido, sim!

Curtos em alta, deu vontade de cortar só pra entrar na moda? Não precisa! Tem espaço para todas.

“Em um momento em que todo mundo está falando de cabelos mais curtos – bob, pixie, blunt… – as donas de cabelões supercompridos podem se sentir inadequadas e ter o desejo de cortar só pela ‘pressão’ de estar na moda”, conta o hair stylist Junior Carvalho, do C.Kamura. Você é uma delas? Não precisa!

Segundo Junior, os curtos e médios são lindos, claro, mas quem tem um cabelão não precisa se sentir fora da moda. “O diferencial do cabelo superlongo hoje é que ele é bem tratado. Até inventei a palavra ‘sereísmo’, para os superlongos ao estilo da Isis Valverde”, completa.

O cabelão é eterno. “Toda adolescente quer um cabelo gigante, com pontas mais claras, menos escovado. Vale a pena investir porque também é um estilo. Se você tem o cabelo na cintura pode e deve abusar dos tratamentos, das cores, pra deixar os fios longos ainda mais lindos”, diz o expert.

Para conquistar o cabelo comprido da temporada, você precisa ter em mente que ele deve ter um aspecto de saúde, antes de mais nada, portanto, hidratação no salão quinzenal e produtos de manutenção para cabelos ressecados fazem a diferença na manutenção em casa.