- Por Felipe Gomes

Tonalizante ou tintura: qual é a ideal para você?

Você sabe qual a diferença entre colorir o cabelo ou tonalizar? A gente ajuda a escolher o melhor método pra você!

Apesar de terem a mesma finalidade, há algumas diferenças entre colorir o cabelo com tonalizante ou tintura. Enquanto a coloração cobre 100% de fios brancos, tonalizar os fios deixa uma camada mais natural, porém que desbota mais rápido – e pode ser uma boa opção pra quem não quer perder o aspecto original dos fios.

“O tonalizante vai dar um tom para o cabelo, sem tirar a naturalidade”, explica o expert Celso Kamura. “Quem quiser esconder os primeiros fios brancos pode ser uma boa opção, já que disfarça sem tirar o tom natural.”

Já se você está decidida a mudar de vez a cor, pode se jogar na coloração permanente sem medo, porém aí vai um aviso: ela não pode ser aplicada em cabelos que acabaram de receber outros tipos de químicas, como relaxamento ou progressiva – reações adversas, como até queda, podem ocorrer devido a incompatibilidade.

Mito ou verdade

De acordo com Celso Kamura, um dos motivos que faz as mulheres evitarem a coloração é que há um mito de que ela danifica mais os cabelos. “As colorações premium atualmente tratam o cabelo e não há motivo para acreditar que elas ressecam mais os fios do que o tonalizante. É apenas uma questão de escolha”, afirma o expert.

Independentemente do que você escolher, é importantíssimo cuidar das madeixas com produtos próprios para fios coloridos. Não se esqueça de hidratar toda semana e usar leave-in específico, o que ajudará a prolongar o brilho e a cor viva do cabelo.