- Por Cáren Nakashima

Óleo e secador combinam?

Veja a resposta do nosso expert e aprenda mais um truque para deixar o cabelo lindo, maravilhoso!

Quando o assunto é óleo capilar, muitas dúvidas surgem. Será que vai pesar? Os fios vão ficar oleosos? Aplicá-lo antes da secagem vai “fritar” os fios? Segundo o nosso expert e embaixador de Wella, Douglas Dias, os óleos altamente tecnológicos, que têm partículas leves, não causam nenhum desses problemas, mesmo usados em grande quantidade.

“Porém é preciso escolher um produto desenvolvido para desempenhar todas as funções”, avisa Douglas. O Wella Professionals Oil Reflections Luminous Smoothening, por exemplo, é extremamente versátil e pode ser usado como pré-shampoo, tratamento noturno, leave-in, proteção térmica contra secador e extra brilho. Além disso, também protege os fios durante processos químicos.

“Entre todas as funções deste óleo, uma que pouca gente conhece é na preparação da secagem. No cabelo úmido, aplico cerca de 10 pumps, dependendo do comprimento, até deixá-lo encharcado de óleo. Acredite, não vai pesar”, ensina Douglas.

Benefícios 

A manobra hidrata os fios, forma uma camada protetora contra o calor, amacia e dá brilho. Após a aplicação do óleo, basta secar os fios normalmente e fazer escova ou babyliss, se desejar. De acordo com Douglas, o uso do óleo como protetor térmico em abundância é importante especialmente após a química – retoque das luzes ou tintura -, afinal complementa o tratamento no lavatório, para que os cabelos coloridos mantenham-se fortes e hidratados.