Hidratante para banho: funciona mesmo?

O hidratante para banho pode ser um aliado e tanto para quem não consegue seguir uma rotina de cuidados. Entenda já como ele age na pele!

Quer coisa mais prática do que hidratante para banho? Ao mesmo tempo em que você coloca a limpeza em dia, também sai do chuveiro plena e hidratada.

Se você quer apostar no hidratante para banho (ou até mesmo nos óleos de banho), mas tem dúvidas sobre a sua eficácia, vem cá, batemos um papo com a dermatologista e expert, Apolônia Sales, que explicou como o hidratante para banho age na pele e, de quebra, deu dicas para incluir na sua rotina. Confira!

Funciona mesmo?

A boa notícia é que sim, pode apostar nessa praticidade durante o seu banho se não tiver uma pele com necessidades especiais.

“No hidratante para banho existem substâncias umectantes e emolientes que hidratam a pele normal. Não é o ideal para peles que precisam de hidratação intensa, como as com dermatite atópica ou extremamente seca, mas hidrata as peles normais de maneira eficaz”, explica Apolônia.

A dermatologista ainda explica que os hidratantes para banho são uma mistura de moléculas umectantes, que são ativadas pela água e depositam uma camada de óleos e emolientes na pele, que são absorvidos antes de serem enxaguados.

Aplicação perfeita

O hidratante para banho deve ser usado após a limpeza da pele com o sabonete. Você lava o corpo, enxágua, para aí, sim, aplicar o hidratante. Depois disso, enxágue e seque a pele normalmente com a toalha. É uma ótima pedida para dias mais frios.

“Contraindicação só existe se a pessoa for alérgica a alguma substância contida na fórmula, além, claro, de não ser indicado aplicar por cima de feridas e irritações da pele”, alerta a expert.

Escolha o ideal

Para escolher o melhor hidratante para banho, fique atenta as características do produto. O que é mais importante para você e será melhor para a sua pele?

“Há no mercado hidratantes para banho sem cheiro, veganos, com hidratação duradoura e até os que fazem bronzeamento progressivo. Escolha aquele que supra a sua necessidade”, conta Apolônia.

- Por Aline Marchiori