Tratamento para queda de cabelo

Quer saber como evitar que seus fios caiam? Vem entender esse dilema que anda na cabeça de muitas mulheres.

A gente aaama ter cabelão. E quando percebe que os fios estão indo pelo ralo, começa a ficar em pânico, por que junto vai a autoestima, a autoconfiança… E, sim, as mulheres também sofrem com esse problema, apesar de ser mais raro acontecer. Por isso, quanto antes procurar tratamento para queda de cabelo, melhor. Assim, pode evitar que o quadro se agrave.

Cuidados diários

Se o problema não for genético ou hormonal, alguns cuidados podem ajudar a não estimular a queda de cabelo, como não lavar os cabelos com água muito quente (a temperatura ideal é 22oC), não viver de cabelo preso, nem de boné o tempo todo e não passar cremes condicionadores e máscaras nas raízes, somente no comprimento dos fios.

O que é normal

É normal a perda de 100 fios por dia, mas é bom ficar atenta. Se têm uma pontinha branca, significa que a queda foi provocada por algum estímulo do organismo, sendo o dermatologista a pessoa mais indicada para orientar um tratamento para queda de cabelo.

Se não têm essa ponta, quer dizer que quebraram por um estímulo externo e é nessa hora que você precisa procurar um cabeleireiro para o tratamento com o produto certo.

O melhor caminho

Hoje, você encontra vários produtos e medicamentos eficazes no tratamento para queda de cabelo, mas na verdade é sempre bom consultar um especialista. Só assim vai encontrar o tratamento adequado ao seu caso específico, obtendo bons resultados.

Os medicamentos hormonais, por exemplo, à base de Finasterida (geralmente indicados para os homens), apesar de resolver o problema, são acusados de efeitos colaterais como a perda da libido. Já os cosméticos que tratam o couro cabeludo e aumentam a densidade e a espessura dos fios, dando impressão de maior volume, podem ser ainda mais efetivos se aliados à vitaminas prescritas pelo dermatologista.

Vilões da queda livre

Fatores que podem causar a queda:
• Fumo e stress
• Uso frequente de bonés ou chapéus
• Químicas frequentes (tintura, alisamento, relaxamento etc.)
• Cirurgias
• Doação de sangue/hemorragias
• Febre
• Parto prolongado ou difícil
• Dietas
• Medicamentos
• Alterações hormonais
• Doenças venéreas
• Descontinuação do uso da pílula anticoncepcional (se tomada durante muito tempo)

Mitos sobre queda de cabelo

• Acrescentar anticoncepcional ao shampoo faz o cabelo crescer
• Lavar o cabelo todo dia enfraquece o cabelo
•Cortar o cabelo na lua crescente acelera o crescimento dos fios
• Dormir com a cabeça mais baixa que o resto do corpo aumenta a circulação sanguínea e ajuda no crescimento dos cabelos