Dor no couro cabeludo: o que pode ser?

Além do incômodo, a dor no couro cabeludo pode levar à queda dos fios. Saiba como evitar e tratar o quadro com a expert Luciana Passoni

Compartilhar:

Sensibilidade e dor no couro cabeludo são comuns em homens e mulheres e podem ser notadas em simples atos do dia a dia, como pentear, prender e passar as mãos nos fios.

Mas, atenção: a tricologista e expert Luciana Passoni explica que isso é um sinal de que nosso couro cabeludo não está saudável. Saiba mais!

O que é tricodinia?

A dor e sensibilidade no couro cabeludo são sintomas da tricodinia, uma inflamação no couro cabeludo que pode causar queda de cabelo aguda e até calvície. 

De acordo com a tricologista, este quadro é ocasionado por algum tipo de agressão na região.

“Pode ser um penteado muito apertado, o uso de bonés e capacetes apertados, excesso de exposição solar e o uso de água quente ou fria demais no banho, por exemplo”, explica.

Dor no couro cabeludo: o que pode ser?

A sensibilidade e a dor no couro cabeludo são sintomas da tricodinia

Cuidado com a química

A médica dermatologista afirma que procedimentos químicos, quando feitos de maneira inadequada e com produtos muito agressivos, podem desencadear a inflamação ou agravar o quadro.

“Quando entram em contato com o couro cabeludo, essas substâncias podem causar queimaduras e queda de cabelo”, diz.

Atenção à oleosidade

O excesso de oleosidade no couro cabeludo também é um ponto de alerta, já que ele pode causar dermatite seborreica, a famosa caspa, que leva à descamação.

“O sebo também colabora para a proliferação de fungos e bactérias, que causam placas, coceiras e feridas, deixando a região bem dolorida”, afirma a expert.

Proteja-se!

Para evitar a tricodinia, Luciana recomenda proteger o couro cabeludo do sol e dar preferência para penteados mais frouxos. 

“Use bonés ou chapéus ao se expor no sol, principalmente pessoas com fios mais finos e sem volume. Evite penteados com maior tração, como coques e rabos de cavalo altos, pois podem causar quedas e arrebentar os fios”, afirma.

Dor no couro cabeludo: o que pode ser?

Para evitar a dor no couro cabeludo, proteja a região do sol e evite penteados apertados

Tratamento para dor no couro cabeludo

Segundo a tricologista, o uso de produtos com ativos calmantes ajuda a aliviar os sintomas, mas eliminar o hábito que está causando a dor no couro cabeludo é o que de fato resolverá o problema.

“Em alguns casos há prescrição de loções específicas, com ação anti-inflamatória, medicação anti-histamínica e analgésicos. Shampoos com pH ácido também ajudam a controlar a sensibilidade da região”, explica.

Ter cuidados específicos ao lavar o couro cabeludo também é fundamental para evitar desconfortos, como massagear a região suavemente e controlar a temperatura da água, que não pode estar muito quente nem muito fria.

Mas, vale ressaltar que todo quadro deve ser diagnosticado e acompanhado por um profissional.

“É imprescindível que o paciente procure um tricologista ou dermatologista para uma avaliação adequada”, diz Luciana.

Dor no couro cabeludo: o que pode ser?

Dicas e produtos para evitar a sensibilidade e dor no couro cabeludo

- Por Letícia Leite