Águas de beleza: para que servem?

As águas de beleza são grandes aliadas no skincare. Para escolher a ideal, a dermatologista, Denise Lage, revela como elas agem na pele!

Já existe no mercado uma infinidade de águas de beleza: água termal, micelar, bruma hidratante. Afinal, é tudo igual ou tem diferença? Para que cada uma serve? Como escolher a melhor para a minha pele? Se você tem essas e mais dúvidas, veio ao lugar certo. Conversamos com a dermatologista e expert, Denise Lage, que explicou tudo sobre as águas de beleza e como incluir cada uma na rotina. Vem ver!

Água termal

Ela é extraída das estações termais francesas e é mineralizada. “Isso significa que possui um pH alcalino, próximo ao pH da nossa pele, o que faz com que ela tenha ação calmante e suavizante, podendo ser usada em todos os tipos de pele, principalmente, as sensibilizadas”, explica Denise.

Como usar: segundo Denise, na ordem do skincare, o ideal é utilizá-la após a lavagem do rosto com o sabonete específico. “Também gosto de usar no pós sol. Deixe na geladeira e quando estiver geladinha, borrife no rosto. É legal também para o pós-maquiagem, pois ajuda a fixar e dar leveza para a pele”, conta a expert.

Bruma hidratante

Como o nome dela indica, ajuda a potencializar a hidratação da sua pele. “Geralmente possui ativos como alantoína, ectoína, ácido hialurônico, que ajudam na hidratação. Muitas vezes, também pode conter ativos antioxidantes que ajudam no combate dos radicais livres e na prevenção do envelhecimento”, revela Denise.

Como usar: ela é indicada para uma pele sensibilizada por conta dos efeitos calmantes. É ideal para peles desidratadas, pois promove hidratação intensa ao ser combinada ao skincare.

Água micelar

Ela tem efeito demaquilante, hidratante e tonificante. “Para mim é o melhor demaquilante que existe, porque tem várias ações”, explica Denise.

Como usar: pode ser usada antes de lavar o rosto com o sabonete específico ou depois. Não há necessidade de enxaguar a pele após o uso.

- Por Aline Marchiori