Cuidados com o cabelo para malhar

Quando colocamos o tênis e saímos para malhar só pensamos no corpo. Mas o cabelo também precisa de atenção, hein!


imagem 1

Além de ser incômodo, malhar de cabelo solto, em contato com o suor, pode danificar os fios. O suor (água, sais minerais e cloreto de sódio), com o cabelo solto, tende a ficar nos fios e no couro cabeludo, criando uma camada de sal e água que pode ressecar.


imagem 2

Isso porque os nutrientes não chegam até as pontas, já que estão presos no couro cabeludo. Como resultado, eles ficam mais frágeis e quebradiços. Mas isso é fácil de resolver: tem que apostar em cremes hidratantes, leave ins e protetores solares antes do treino para proteger os fios do sol.


imagem 3

Ficar muito tempo de cabelo preso também é ruim, porque soma dois problemas: o da desidratação e o da tração dos fios causada pelos prendedores, que pode levar à queda. O “puxa-puxa” diário, a longo prazo, causa um tipo de calvície: a “alopecia por tração”. Como resultado, as agressões atrofiam o bulbo capilar e os folículos pilosos podem “cicatrizar”, ou seja, não se regeneram.


imagem 4

Prender o cabelo com delicadeza, evitar elásticos e presilhas com dentes minimiza a quebra dos fios. O uso de faixas ajuda a impedir que o suor escorra pelo resto do cabelo. Secar o cabelo com uma toalhinha durante o treino ajuda um pouco a segurar o suor, mas a absorção pelos fios acontece da mesma forma, só em menor quantidade.


imagem 5

Se o cabelo já estiver quebrado por causa de prendedores, o jeito é fazer hidratações semanais com máscaras poderosas, procurar um dermatologista para indicar vitaminas e, em último caso, cortar.


imagem 6

Sabe aquela história de que não pode lavar o cabelo todo dia? É mentira. A própria oleosidade contribui para a queda, por isso é indicado lavar sempre depois de fazer exercícios, principalmente quem tem cabelo oleoso. O shampoo a seco é uma opção para quando o couro estiver oleoso e você não tiver tempo de lavar mesmo.


imagem 7

Shampoos com Daymoist, Vitamina F forte, Cosmacol Eli (desodorante enzimático que apresenta uma excelente ação desodorizante, além de ser indicado para pessoas com transpiração excessiva também indicado para o cabelo), ativos fortificantes e hidratantes usados em shampoos manipulados, são a melhor escolha. E lembre-se de que o condicionador vai apenas nas pontas!


imagem 8

Já quem faz natação precisa proteger o cabelo com silicone antes de entrar na piscina e hidratar pelo menos uma vez por semana depois da aula, para evitar ao máximo o contato dos fios com a água. Quem faz exercícios ao ar livre sofre também com os danos solares e pode ter o cabelo queimado, ressecado e quebradiço. Fica a dica outra vez: use produtos com filtro solar, para aumentar a proteção dos fios.