Como diminuir a celulite

Saiba como diminuir a celulite e mudar o status de “casca de laranja” para “pele de pêssego”!

É só o verão começar a dar as caras pra gente se preocupar com coisas que até então nem lembrávamos, como a celulite. Afinal, de onde ela vem? Como evitar? É normal? Se essas e outras perguntas não param de rondar a sua cabeça e a celulite é um problema para a sua autoestima, siga em frente, batemos um papo com esteticista, cosmetóloga e expert, Flávia Medeiros, para descobrir se ainda dá tempo de reduzir – e prevenir- os tão temidos furinhos.

De onde vem?

A celulite é uma alteração em forma de ondulação na pele, que a deixa um aspecto de “casca de laranja”, comum na região das nádegas e posterior das coxas. “A celulite estética não é inflamatória, é uma doença de depósito no tecido adiposo”, explica Flávia. Ou seja, é um acúmulo de gordura ou líquidos em determinadas regiões do corpo.

Apesar de ser comum, quando ela aparece é sempre bom ficar ligada. “Isso significa que o sistema linfático não está funcionando da forma certa ou que pode haver alguma alteração hormonal ou problema circulatório”, revela a expert.

Mudança de hábitos

A celulite diz muito sobre os seus hábitos e saúde, portanto, é possível mudar alguns fatores para que ela melhore. “Ao descobrir o que tem causado a celulite, como, por exemplo, problema circulatório, hormonal ou alimentar, é possível mudar hábitos para melhorar o quadro”, explica Flávia. Por isso é muito importante buscar um profissional qualificado para que ele possa identificar o agente causador desse problema.

De qualquer forma, vale seguir as regras clássicas para um corpo saudável, como manter uma boa alimentação, praticar exercícios físicos regularmente e beber bastante água.

Tratamento eficaz

Eliminar a celulite completamente é uma tarefa difícil, mas é possível reduzi-la. “Com profissionais capacitados e dedicação da paciente, é possível reduzir muito a celulite, podendo haver uma melhora de até 90% no aspecto da pele”, explica. É um tratamento a longo prazo e que exige dedicação para ser eficaz.

Dentro desse tratamento, é interessante realizar procedimentos estéticos, como a massagem modeladora e a drenagem, que auxilia na retirada do líquido acumulado no tecido adiposo. O ideal é fazer três vezes por semana. Já em casa, os cremes podem ajudar bastante. A dica da nossa expert é aplicá-los após o banho, que é o momento em que você retirou todas as células mortas do corpo e está com a pele pronta para receber o tratamento.

- Por Aline Marchiori